O público gamer é atualmente uma das fatias de mercado que mais cresce, a indústria do vídeo game lucra mais que a indústria do cinema e musica juntas. No entanto, transferir os produtos provenientes dos games a outras mídias é quase sempre frustrante e, Detona Ralph, da Disney Animation Studios, veio no intuito de mudar esse histórico de fracassos.

Como é possível ver no trailer, Detona Ralph veio prometendo trazer tudo aquilo que vivemos e jogamos em nossas infâncias, fazendo com que a primeira vista o filme tivesse como ponto forte o “Show de Referencias”. Nunca na história do Cinema um filme recebera/pagara tantas permissões de uso de conteúdo de terceiros antes. Contando com uma gama de personagens altamente grande, a equipe de Detona Ralph tinha permissão até para usar o famoso Super Mário em seu filme.

O público gamer foi a loucura, tudo indicava que finalmente teríamos o melhor filme de tema “videogames”, eu particularmente estava animado com a ideia, a equipe parecia ter qualidade (afinal, são padrão Disney) e sensatez a ponto de recusarem-se a usar o famoso Mário por falta de um papel importante o suficiente para a importância do mesmo na indústria real do videogame e no coração dos gamers que queriam alcançar.

Após o lançamento ouviu-se muitos burburinhos indicando que o filme fora um fracasso, desanimei e não assisti na estreia. Mas após lembrar qual é o publico alvo do filme, tendo em mente o famoso “mimimi gamer” (mania dos gamers de achar tudo ruim), mudei de ideia e resolvi encarar o filme de frente.

Agora que assisti o filme entendo os motivos pelo qual ouvia-se tanto mimimi na internet em relação a Detona Ralph. A animação é perfeita, assim como de costume em produtos Disney. Os personagens movem-se de acordo com seus jogos, alguns mais suavemente do que outros, a física funciona como um videogame, parece uma imitação da vida real limitada pela programação, perfeita para o caso.

A trilha sonora segue o mesmo rumo, juntando os famosos sons 8-bit com o estilo musical mais comum dos videogames atuais (faltou só um rockzinho básico dos últimos FPS’s), tendo Owl City como compositor da musica principal do filme a trilha não deixa a desejar. sem falar nas vozes dos personagens (versão em inglês) em que até os atores se parecem com os respectivos personagens que interpretam;

Atores de voz e seus personagens

Personagens e de Detona Ralph e seus atores de voz na língua inglesa, muito parecidos com os próprios personagens, tendo John C. Reilly como Ralph, Sarah Silverman como Vanellope, Jack McBrayer como Conserta Felix e Jane Lynch como Sargento Calhoun.

Então o que sobra para o motivo do “mimimi” é nada menos que o enredo. “mas, o enredo é ruim, André?”, não, o enredo é ótimo e trás tudo aquilo que uma boa animação precisa; personagens carismáticos, dinamicidade de roteiro, boas partes engraçadas, trama nova com uma boa mensagem e um final digno.

O problema? O problema foi o público. como eu disse no inicio do texto, o público esperava um show de referencias, quando o que você tem não passa de personagens conhecidos andando pelo background e fazendo coisas que não influenciam a trama principal. Realmente uma decepção no quesito referencias, principalmente para os gamers que são muito mais que acostumados com os Easter eggs.

Exemplificando, seria como uma criança numa festa querendo provar um bolo especial super gostoso que disseram que estaria lá. vem doces de chocolate, pirulitos, balas, refrigerantes, lembrancinhas… Mas nada de bolo. não é possível quebrar expectativas sobre o gosto de um bolo que não apareceu… Por isso o “mimimi”. Concluindo, Detona Ralph é ótimo como filme da Disney mas regular em termos de público alvo.

About The Author

Criador de conteúdo online desde pequeno, continua pequeno, mas com pelos na cara e habilidades em design. André Wallace gosta de tudo o que se movimenta em uma tela, nem que seja o cursor do mouse.

Related Posts

2 Responses

  1. Tabibito-san

    Oi André BIGBOSS!Estou de volta.

    A indústria do game cresce da forma que afirma,todavia todos reclamam da pirataria.Sendo que cinema e música devem alegar exatamente isso,serem mais pirateados.#SóDizendo E por favor não nos faça lembrar de que já existiu “Street Fighter: A Batalha Final” com Jean-Claude Van Damme(Coronel William
    F. Guile) e Raul Julia(último trabalho cinematográfico,sendo o do como M.Bison). #SóDizendo2 😛

    Hoje em dia,parece ser bem mais difícil achar um fliperama tradicional,e se sim tem boas chances de ter uma “TheKing2002(não raro as versões piratas)” ou aquela máquina de “1000 jogos”. =p

    Você falou da gama de personagens utilizáveis,mas também ou talvez a cessão de direitos foi permitida com base na participação dos personagens no filme.E desta forma,não pôde tomar tantos caminhos simultâneos,por assim mencionar. -Teria mais base para discorrer nesse sentido?- No entanto,pelo tempo de aparecimentos e conforme o número de falas,o engano fora um armadilha coletiva de fundo pessoal.Quase ninguém entende os fragmentos de trailers,PVs etc;CABULOSO.
    *Notas: Não me lembrei de ter ouvido “Sun Nights(by Fun)”,cujo surgiu no trailer.Entretanto,Owl City que é conhecido por “Fireflies” vindo a performar “When Can I see You Again?” e AKB48 cantando “SUGAR RUSH”,cairam como luva.

    Na dublagem brasileira achei legal no sentido de igualdade que apresentou: Tiago Abravanel(Detona Ralph),Mari Moon(mais pela personalidade de Vanellope von Schweetz).E Rafael Cortez(Conserta Félix Jr.),para citar uma adversidade de identificações.

    E finalmente,vi vocês(ou algum de vocês) associando tanto o filme “Detona Ralph” em “Minicast 47 – Frozen! Uma Aventura Congelante – Crítica”,e pensava no porquê duma review ainda não estar no site.A razão aparentaria a de estar em fase de acabamento ou algo parecido. ^_^ No resto,diz a lenda que quando na blogosfera se influencia alguém ou grupo a conferir o que se apresenta,é um prazer que se sente,um que causa certo orgulho pessoal.E bem,receba os créditos pela influência,André BIGBOSS.

    E assim me despeço.

    Responder
    • Coffee Unlocked

      Obrigado pelo comentário e pelas considerações Tabibito! é bom saber quem a dublagem brasileira não deixou a desejar.
      (espero que futuramente apareça um filme com as referencias que gostaríamos de ver em Detona Ralph)

      Responder

Leave a Reply

Your email address will not be published.